Marina vê ‘uma das piores situações’ do Pantanal

Focos de incêndio na beira da estrada em MS e fumaça densa — Foto: JN

Foto: reprodução/JN

A ministra do Meio Ambiente, Marina Silva, alertou para a gravidade dos incêndios no Pantanal, que estão “fora da curva de tudo o que se conhece”. A ministra do Planejamento, Simone Tebet, garantiu que o governo não imporá limites de recursos para evitar uma tragédia ambiental no bioma, que enfrenta sua pior seca em 70 anos. Em Mato Grosso do Sul, o fogo comprometeu a visibilidade nas estradas e representa ameaça à cidade de Corumbá. 

Amanhã (26), a Junta de Execução Orçamentária (JEO) decidirá sobre os valores necessários para combater o fogo, mas os governadores ainda não formalizaram seus pedidos. Tebet afirmou que os recursos virão de crédito extraordinário. (JN/Valor)

Recorde de incêndios expõe falhas na prevenção

O planejamento do Ministério do Meio Ambiente para o combate ao fogo no Pantanal  não funcionou e a pasta admite que precisou antecipar em dois meses sua estratégia de resposta ao problema. O governo agora vai recompor a verba da pasta diante do orçamento insuficiente e tirar do papel o pacto assinado com MT e MS no início do mês. O número de focos de fogo até 24 de junho é quase seis vezes maior do que todo o mês de junho de 2020, pior ano em incêndios para a região, que ficou devastada. (Estadão)

O decreto de situação de emergência publicado pelo governo de MS vale para as cidades atingidas pelo fogo, contudo não cita quais são elas. A medida permite que haja licitações sem edital para ações emergenciais. No domingo, uma “muralha de fogo” do outro lado da margem do rio onde ocorria uma festa de São João, em Corumbá, chamou a atenção em vídeo nas redes sociais. (G1-MS) 

 

Foto: Prefeitura Municipal de Várzea Grande-MT

Asfalto: governo diferencia tratamento entre Cuiabá e VG

Cidade vizinha à capital mato-grossense, Várzea Grande ganha mais visibilidade com ações do governo estadual. Mauro Mendes (União)  destinou ontem R$ 20 milhões para obras de asfalto novo e recuperação em sete bairros do município. O prefeito Kalil Baracat (MDB) e políticos participaram da solenidade no Palácio Paiaguás. No caso de Cuiabá, devido à rixa com o prefeito Emanuel Pinheiro (MDB), o governo precisou da intermediação do Tribunal de Contas do Estado (TCE) para o asfalto em 13 bairros da capital.

O secretário de Obras de Cuiabá, José Stopa (PV), cotado para ser o coordenador da campanha de Lúdio Cabral (PT) à prefeitura, diz que é necessário “muito mais investimento”, mas evita atacar o governador. Ele destaca que o tapa-buraco em Cuiabá já começou e, até o final de julho, a cidade ficará “bem melhor”. A prefeitura está investindo R$ 15 milhões de recursos próprios. (eh fonte/FolhaMax)

Kalil agora admite discutir privatização do DAE

O prefeito de Várzea Grande, Kalil Baracat, afirmou que irá discutir sobre a privatização do Departamento de Água e Esgoto (DAE) do município. Candidato à reeleição, Baracat afirma estar comprometido em resolver os problemas de abastecimento de água, um dos principais gargalos da cidade. O prefeito já foi contra a privatização do órgão, que tem sido alvo de críticas da população. Em contrapartida, o presidente da Câmara de VG, Pedro Paulo Tolares, e os deputados Júlio Campos (União) e Fábio Tardin (PSB) defendem a privatização do DAE. (Gazeta) 

Municípios devem informar receita e investimento de multas

Em Mato Grosso, municípios que utilizam radares eletrônicos para monitoramento de velocidade deverão tornar público os valores arrecadados com as multas geradas pelos sistemas. Além do dinheiro arrecadado, as cidades deverão informar, por meio do Portal da Transparência, o destino dos recursos arrecadados, dados da empresa que opera os radares, valor do contrato e gráfico semestral demonstrando a efetividade na redução de acidentes de trânsito. A lei que obriga a divulgação dos dados foi sancionada pelo governador Mauro Mendes. (VG Notícias)

Sindicato aprova greve para pressionar prefeito por reajuste

O Sindicato dos Odontologistas de Mato Grosso (Sinodonto-MT) aprovou, ontem (24), a deflagração de greve dos servidores municipais em Cuiabá. A suspensão das atividades foi marcada para a próxima quinta- feira (27). O presidente do Sinodonto, Leandro Arruda, disse que a expectativa, após a notificação, é de que o prefeito Emanuel Pinheiro envie para a Câmara Municipal um projeto de lei, até quinta-feira, regulamentando um novo plano de cargos, carreiras e vencimentos da categoria. Caso a categoria não seja atendida, a deliberação é para greve dos profissionais. (RDNews)

 

Foto: reprodução

População de rua em MT aumenta 82% em 6 anos

O número de pessoas vivendo em situação de rua em Mato Grosso aumentou, em seis anos, 82,2%. Só neste ano, o número chega a 3.110 pessoas nessa situação em 68 municípios do estado. Em 2018 eram 1.706. Os dados são do boletim informativo da Secretaria de Estado de Assistência Social e Cidadania, elaborados por meio do Cadastro Único para Programas Sociais do governo federal (CadÚnico). Do total de pessoas identificadas, 50 são crianças e adolescentes e outras 274 são pessoas idosas. Segundo o boletim, Cuiabá é a cidade com o maior número, mais de 41%. São 1.296 moradores de rua na capital. (Gazeta Digital)

Mauro Mendes diz que câmeras prejudicariam ação policial

O governador Mauro Mendes  voltou a criticar a instalação de câmeras nas fardas dos policiais. “Só o dia que decretar minha prisão eu vou autorizar”, afirmou. Mendes argumenta que a medida pode prejudicar a ação policial. A declaração foi feita durante evento em Cuiabá, onde o governador reforçou sua posição contrária à iniciativa. A instalação de câmeras é vista como um avanço para a transparência e segurança das operações policiais, mas para o governador “há uma inversão de valores” (Olhar Direto)

Comissão rejeita arquivar cassação de vereador de Cuiabá

A Comissão de Ética da Câmara Municipal de Cuiabá rejeitou o parecer da Procuradoria do Legislativo que recomendava o arquivamento dos pedidos de cassação contra o vereador Paulo Henrique (MDB), acusado de envolvimento com o Comando Vermelho. Durante a sessão, os vereadores aprovaram requerimento para obter mais informações sobre o caso junto às polícias Federal e Civil de Mato Grosso e então manifestar o parecer da Comissão. (HiperNotícias)

 

Eleição 2024

PT nega proximidade a Emanuel Pinheiro

O presidente estadual do PT, deputado Valdir Barranco, negou que o partido esteja próximo ao prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro (MDB). Segundo ele, a sigla vai lançar a candidatura do deputado Lúdio Cabral e fará oposição à atual gestão. Em 2022, o PT esteve ao lado da primeira-dama da capital, Márcia Pinheiro, na disputa pelo governo do estado. Barranco afirma que o PT só apoiou a candidatura de Márcia porque o partido dela, o PV, também integra a Federação Brasil da Esperança. (MidiaNews)

Marcelo Sandrin diz estar preparado para vice de Botelho

O médico Marcelo Sandrin, cotado para ser vice do pré-candidato a prefeito de Cuiabá Eduardo Botelho (União), afirmou que está preparado caso seja o indicado do Republicanos para ocupar o posto. A indicação tem sido motivo de enrosco entre os partidos que estão apoiando o nome de Botelho. Sandrin integrou a equipe de saúde contratada pelo pré-candidato para fazer um raio-x na Saúde da capital e apontar os principais problemas da pasta. (MidiaNews) 

Uso de IA acende sinal de alerta no TSE

Servidores do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) acompanham a utilização da tecnologia ao redor do mundo, com participação em eventos e workshops internacionais. Em um ano de eleições importantes em países como Índia, México e Brasil, o uso da IA na política tem aumentado, criando candidatos fictícios e falsas declarações de apoio. O TSE aprovou uma resolução em fevereiro que inclui a proibição de “deepfakes” e a identificação obrigatória do uso da tecnologia em materiais de divulgação. (O Globo)

 

Foto: Ricardo Stuckert/Presidência da República

Lula visita FHC em São Paulo

O presidente Lula se encontrou ontem com o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB), em São Paulo. Antigos adversários políticos, os dois se reaproximaram durante as eleições de 2022. Na época, FHC declarou apoio ao petista no segundo turno contra Jair Bolsonaro (PL). Aos 93 anos, FHC tem ficado mais recluso. Além de estar com o ex-presidente, Lula se encontrou com o linguista norte-americano Noam Chomsky, com o escritor Raduan Nassar e com o jornalista Mino Carta. (UOL)

Vício em apostas ameaça crianças e adolescentes

Influenciadores mirins no Instagram estão promovendo cassinos online e apostas esportivas, incluindo uma menina de seis anos com quase 3 milhões de seguidores. Esse tipo de aposta está atingindo crianças e adolescentes, causando vício. O Instituto Alana denunciou ao Ministério Público a publicidade ilegal de cassinos online feita por menores. A denúncia destaca os graves impactos, como o risco de suicídio, exemplificado pelo caso de um adolescente do Maranhão. A situação exige atenção urgente das autoridades. (Folha SP)

 

Meio ambiente

Bruno Perez/ Agência Brasil

Chuvas voltam a afetar 80 cidade no RS

Ao menos 80 cidades gaúchas registraram até ontem (24) algum transtorno decorrente das chuvas que voltaram ao Rio Grande do Sul desde o último dia 14 de junho. Em Porto Alegre, três comportas do sistema de proteção contra cheias foram fechadas preventivamente. O nível do Guaíba atingiu 3,39 metros. A Defesa Civil da capital emitiu alerta preventivo válido até amanhã (26) devido à chance de novos transtornos. (Folha SP)

 

Economia

Foto: reprodução

AliExpress e Magazine Luiza selam parceria inédita

A AliExpress e Magazine Luiza são parceiras para vender produtos nos marketplaces de ambas as empresas no Brasil, com implementação prevista para o 3º trimestre. As ações da varejista brasileira dispararam após o anúncio. O acordo, inédito para as duas plataformas, prevê que a Magalu disponibilize itens vendidos diretamente em seu site no AliExpress, enquanto a empresa do Alibaba incluirá produtos da linha Choice no marketplace do Magalu. A aceleração da negociação foi impulsionada pela  nova taxa para compras até US$ 50 aprovada no Congresso. (O Globo) 

A Magazine Luiza precisou reagir para evitar ser esmagada entre os grandes do varejo digital. O Mercado Livre já estaria com 42% na venda on-line no país neste ano, e pelo ritmo atual, deve chegar a 50% no espaço de um a dois anos. A Temu, terceira maior plataforma digital da China, já chegou ao Brasil queimando dinheiro para “comprar” mercado. E a Shopee vem ganhando tráfego de forma rápida. (Valor) 

Novos mercados reduzem dependência com a China

A entrada de novos países, como os EUA, Rússia, Chile, Egito, Líbia e Turquia, para a aquisição de carne vermelha produzida em MT está reduzindo a dependência do estado nas relações comerciais com a China. Em maio, foram exportadas 68 mil toneladas, sendo 24,54 mil para China e 7,88 mil para os novos países, segundo a Secex. Mesmo em menor proporção ao país asiático, os novos mercados correspondem a uma parcela significativa e crescente na exportação da proteína bovina.(Agro Olhar)

Investimento direto no Brasil sobe 6,2% em 2024

O investimento direto no país (IDP) registrou entrada líquida de US$ 30,2 bilhões de janeiro a maio deste ano. O valor subiu 6,2% em termos nominais em comparação com o mesmo período de 2023, quando somou US$ 28,5 bilhões.  Diferentemente da entrada de recursos estrangeiros na B3 (Bolsa de Valores de São Paulo), o IDP mostra o saldo da entrada e saída de capital voltado a ganhos de longo prazo, como na área de negócios, empresas, aberturas de filiais multinacionais e obras de infraestrutura. (Poder 360)

 

Digital

Foto: divulgação/Google Play

Empresa do TikTok lança nova rede social

O Whee é um aplicativo de compartilhamento de fotos lançado recentemente pela ByteDance, fundadora do TikTok. A nova rede social chega como uma tentativa de concorrer com o Instagram e tem um layout similar ao app da Meta, mas conta com uma proposta parecida com a do app de fotos temporárias BeReal. A ideia é que usuários compartilhem fotos apenas com amigos íntimos num feed permanente. O app está disponível para Android e em apenas 12 países. No Brasil, é possível encontrar a página do Whee na loja de aplicativos do Android, mas o download ainda não está disponível. (TechTudo)